segunda-feira, 31 de agosto de 2009

Espera por exame da gripe A (H1N1) pode chegar a 30 dias

video

Reportagem exibida em 27/08/2009

Fonte: http://video.globo.com/
Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

domingo, 30 de agosto de 2009

Kátia Monique Lemos Mothé (24/08/2009 a 28/08/2009)

ATIVIDADE 1

Atividade: Gripe A (H1N1) – Formas de Contágio (Transmissão Direta e Indireta) enfatizando o espirro e Prevenção
Datas de Realização: 26/08/2009
Projeto: Laboratório de Ciências
Professora: Suzana Maria Santos de Oliveira
Anos: 1º, 2º e 3º anos de escolaridade
Turmas: 103, 104, 105, 204, 207 e 303
Programa Utilizado: Vídeos (Movie Maker)

Objetivos:
-Orientar sobre os cuidados que os alunos devem ter para se prevenirem da gripe A (H1N1) e de outras doenças.
-Alertar sobre os riscos que a falta de higiene pode causar à saúde das pessoas.
-Enumerar as medidas profiláticas para se proteger da gripe A (H1N1).

Desenvolvimento:
A professora do Laboratório de Ciências, previamente, baixou do site http://www.novagripe.pr.gov.br/ alguns vídeos a respeito do tema em questão. Na data prevista, mediante a colaboração da professora de Informática Educativa, os alunos assistiram aos vídeos com a devida orientação da professora do Laboratório de Ciências que ressaltou a importância de conhecer e praticar as medidas de prevenção contra o vírus H1N1. A apresentação dos vídeos ocorreu no auditório dessa unidade escolar, tendo as portas e janelas abertas, possibilitando assim um ambiente arejado. Também houve a preocupação de pedir aos alunos que sentassem em cadeiras alternadas, evitando, por conseguinte, a proximidade entre eles. Em seguida, a professora do Laboratório de Ciências propôs às professoras das turmas que, em sala de aula, realizassem com os alunos atividades, por meio de produção de texto, jogos, sobre o assunto em tela de modo a verificar o aprendizado. Abaixo, estão os vídeos trabalhados com os alunos. Quanto às atividades, em breve serão postadas.

- O espirro

video
-Influenza A (H1N1) - Formas de Contágio e Prevenção -Transmissão Direta e Indireta

video

-Recomendações para prevenção contra gripe A (H1N1

video

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Kátia Monique Lemos Mothé (24/08/2009 a 28/08/2009)

ATIVIDADE 2

Atividade: Catálogo para divulgação da Coleção Primavera-Verão 2010 do Shopping 29 de Maio
Datas de Realização: 01/07/2009 e 08/07/2009
Disciplina: Inglês
Professora: Nadília Castellar Gomes da Silva
Ano: 8º ano de escolaridade
Turma: 802
Programas Utilizados: Internet e Power Point

Objetivos:
-Pesquisar na Internet sobre o funcionamento de um shopping.
-Desenvolver vocabulário trabalhado em sala de aula.
-Conscientizar sobre os direitos de um consumidor ao adquirir um produto.
-Verificar a relação de câmbio entre as moedas real e dólar.
-Montar, no Power Point, utilizando o idioma inglês, um Catálogo propagando a Coleção Primavera-Verão 2010 do shopping.

Desenvolvimento:
Primeiramente, a turma pesquisou, na Internet, o funcionamento de um shopping, dando ênfase às vitrines. Em seguida, com a devida orientação da professora da turma, cada grupo de alunos, no Power Point, produziu a vitrine de sua loja expondo os produtos com os respectivos preços. Durante a execução dessa tarefa, utilizaram a Internet para buscar imagens relativas à loja e um tradutor on line no site http://translate.google.com/translate_t?hl=pt-br#, com o intuito de o catálogo ser produzido no idioma inglês. Posteriormente, a professora do Laboratório de Informática Educativa, apenas ajustando a formatação, reuniu todas as vitrines e montou o catálogo. Abaixo, consta a atividade.

-Atividade no Power Point - Catálogo do Shopping 29 de Maio (Coleção Primavera-Verão 2010)



-Atividade no Power Point - Folheando o Catálogo


Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Kátia Monique Lemos Mothé (24/08/2009 a 28/08/2009)

ATIVIDADE 3

Atividade: Tecnologia
Data de Realização: 14/07/2009
Disciplina: Ciências
Professoras: Angélica Moura Velasco e Regimara dos Santos Brandão
Ano: 5º ano de escolaridade
Turmas: 501 e 502
Programas Utilizados: Power Point e Internet (Atividade on line)

Objetivos:
-Observar as várias descobertas da tecnologia.
-Conscientizar sobre a importância da ciência no desenvolvimento tecnológico.
-Analisar o funcionamento do GPS.
-Verificar, mediante atividade on line, se acompanha as novidades tecnológicas.

Desenvolvimento:
A professora do Laboratório de Informática Educativa preparou, previamente, no Power Point, utilizando pesquisa na Internet, um material com imagens e informações sobre o tema, utilizando inclusive gifs animados, de acordo com as sugestões dadas pelas professoras das turmas. Na data prevista da aula, primeiramente, os alunos assistiram à apresentação de slides com as professoras das turmas destacando os pontos mais importantes do assunto. Em seguida, a turma acessou o blog da escola e, na lateral, clicou em dois links referentes ao site http://www.atividadeseducativas.com.br/. Em um dos links, os alunos tiveram a oportunidade de conhecer o funcionamento de um GPS. No outro, a turma participou de uma atividade on line com intuito de saber se está ou não acompanhando as novidades tecnológicas. Abaixo, constam as atividades em ordem de realização.

-Apresentação em Power Point - Tecnologia


-Atividades on line - Link na lateral do blog
Como funciona um GPS?
Os alunos leram as informações a respeito do GPS.
http://www.atividadeseducativas.com.br/index.php?id=1380

Você está ligado em novidades tecnológicas?
Os alunos responderam perguntas sobre tecnologia.
http://www.atividadeseducativas.com.br/index.php?id=1363



Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

sábado, 29 de agosto de 2009

Desfile Cívico

A Prefeitura de Campos suspendeu a participação dos órgãos públicos municipais no desfile cívico de 7 de setembro, em comemoração ao Dia da Pátria. A medida dá continuidade às ações preventivas contra a pandemia da gripe pelo vírus influenza A (H1N1).

De acordo com o secretário Municipal de Saúde, Paulo Hirano, o desfile poderia provocar aglomeração de múltiplos segmentos populacionais, incluindo crianças e idosos que integram o grupo de risco.

Fonte:
http://www.campos.rj.gov.br/noticia.php?id=20487
Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Dia do Soldado - 25 de agosto

O dia do soldado é comemorado no dia 25 de Agosto. A data, que tem por objetivo homenagear o trabalho dos membros do Exército Brasileiro, foi instituída em homenagem a Luís Alves de Lima e Silva, patrono do Exército brasileiro, nascido em 25 de agosto de 1803. Com pouco mais de 20 anos já era capitão. Luís Alves de Lima e Silva – Duque de Caxias -lutou e defendeu o Brasil em confrontos externos e internos.

Soldado é uma graduação do fundo da hierarquia militar. O termo soldado deriva do latim solidariusalguém que é pago para servir.

No Brasil, o serviço militar é obrigatório por lei desde 1908. Ao completar 18 anos, todo rapaz deve se cadastrar em alguma das forças armadas (Marinha, Exército ou Aeronáutica). Na estrutura do governo brasileiro, estas estão integradas ao Ministério da Defesa e tem por objetivo a defesa dos direitos constitucionais.

A carreira de soldado proporciona ao jovem o aprendizado de valores como disciplina, organização, amor à pátria, solidariedade e perseverança, entre vários outros que orientam suas atividades dentro e fora do quartel.

O soldado exerce atividade em tempos de guerra e na manutenção da paz, dentro e fora do país. Presta auxílio à população em situações de calamidade.

Fonte:
http://www.sempretops.com/dicas/dia-25-de-agosto-dia-do-soldado
Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

domingo, 23 de agosto de 2009

Influenza A (H1N1) - Formas de Contágio e Prevenção

TRANSMISSÃO DIRETA E INDIRETA

video

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Homenagem ao Folclore de Campos dos Goytacazes - RJ

Na data de 22 de agosto, comemora-se o dia do Folclore.

Ordem na Cidade

Quem disse que um animal não espanta o outro?! Olha cara, eu vi e ninguém me contou. O lobisomem da baixada veio passear no centro da cidade, e quando passou na curva famosa da estrada do Farol de São Tomé, correu atrás de uma loura que seduzia as pessoas que passavam nesse local da qual ela se apropriou, não pagando nada pela posse da curva.

A loira ficou com tanto medo do lobisomem que pagou ao governo para fazer outra curva, na tentativa de despitá-lo. Isso ainda não é nada! Consta também que esse meio homem e meio bicho, chegando na curva da Lapa em frente à Igreja de mesmo nome, esperou anoitecer, vigiando o grande jacaré de papo amarelo que, quem já viu, afirma ter o animal aproximadamente 15 metros.

Vem a noite, até que em determinado momento, o bichano apareceu e a luta começou. Depois de 12 horas, o lobisomem conseguiu derrotar o grande jacaré chamado Ururau avisando-o para não destruir as embarcações, não quebrar a Igreja e nem assustar as pessoas, como de costume, caso contrário, voltará dando-o nova surra.

Foi isso que o tio do avô do padre contou. Acredite se quiser, mas que foi verdade, foi.


(Texto escrito por Rui Outeiro Costa)
(Professor de História do Centro Educacional 29 de Maio)


Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Dia do Folclore - 22 de agosto

Entende-se por folclore o conjunto de crenças, lendas, festas, trava-línguas, parlendas, advinhas, superstições, artes e costumes de um povo. Tal conjunto normalmente é passado de geração a geração por meio dos ensinamentos e da participação real dos festejos e dos costumes. De origem inglesa, o folclore é uma palavra originada pela junção das palavras folk, que significa povo; e lore, que significa sabedoria popular. Formou-se então a palavra folclore que quer dizer sabedoria do povo.

LENDAS

As Lendas no Brasil são de inúmeras variedades, influenciadas diretamente pela miscigenação na origem do povo brasileiro. Lenda não significa mentira, e nem verdade absoluta, o que se pode e deve deduzir é que uma história para ser criada, defendida e o mais importante, ter sobrevivido na memória das pessoas, deve ter no mínimo um pouco de fatos verídicos.

Muitos historiadores, pesquisadores, folcloristas, e outros profissionais que estudam Sociedades, tendem a afirmar que lendas são apenas frutos da imaginário popular, porém como se sabe as lendas em muitos povos são "os livros na memória dos mais sábios".

A diferença entre Mito e Lenda é a seguinte, O Mito é o Personagem a qual a lenda trata, pois a Lenda é a História sobre o determinado Mito. Exemplos de algumas lendas: O boto, mula-sem-cabeça, saci pererê.

O Boto

Esta lenda muito comum na Região Norte do Brasil, consiste num encantamento que os Botos possuem, visto que se transformam em rapazes altos, fortes, muito bonitos e bem vestidos. Chegam às festas dançando, bebendo e paquerando e, antes de amanhecer, eles retornam para os rios voltando a serem botos, pois o seu encantamento só dura à noite.

Saci Pererê

O mito do Saci é um dos mais difundidos no Brasil, segundo muitos autores. O Saci seria uma Divindade de origem Indígena (dos primeiros índios a manterem contato com os Portugueses, portanto do Tronco Lingüístico Tupi-Guarani).

Nessa função, tinha sabedoria e manuseio de tudo que estava relacionado às plantas medicinais, como guardião das sabedorias e técnicas de preparo e uso de chás concentrados e outros medicamentos feitos a partir de plantas.

Não se tem muito conhecimento sobre a origem da atual aparência do Saci, sabe-se que é representado como sendo um negrinho de uma perna só, com uma carapuça vermelha, que fuma um cachimbo. Seu principal divertimento é atrapalhar as pessoas para se perderem.

TRAVA-LÍNGUAS

São formas de divertimento. Para que as frases funcionem, a pessoa deve repetir a frase por muitas vezes seguidas criando assim uma impossibilidade de comunicação. Exemplos:

PARLENDAS

As Parlendas são formas literárias tradicionais, rimadas com caráter infantil, de ritmo fácil e de forma rápida. Não são cantadas e sim declamadas em forma de texto, estabelecendo-se como base a acentuação verbal.São versos de 5 ou 6 silabas recitadas para entender, acalmar, divertir as crianças, ou mesmo em brincadeiras para escolher quem inicia a brincadeira ou o jogo,ou mesmo aqueles que podem brincar.O motivo de uma Parlenda é apenas o ritmo como ela se desenvolve, o texto verbal é uma série de imagens associadas e obedecendo apenas o senso lúdico,ela pode ser destinada a fixação de números ou idéias primarias, dias da semana,cores,dentre outros assuntos.Veja alguns exemplos:

ADVINHAS

São perguntas de caráter enigmático onde a resposta parece difícil de ser descoberta. As advinhas compreendem a adivinhação propriamente dita, pergunta enigmática e charada.Veja alguns exemplos:


FOLCLORE EM CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ)

Em Campos destacam-se algumas manifestações folclóricas, tais como:
-Jongo e Mana-Chica, danças típicas;
-Ururau da Lapa, lenda;
-Boi Pintadinho, que a cultura transformou em Boi-de-Samba.

JONGO
De origem africana, possivelmente de procedência angolana, é dança de terreiro, da qual participam pessoas de todas as idades e de ambos os sexos. Classificada por Édison Carneiro como uma das formas atuais do batuque, muito se assemelha ao caxambu no ritmo e na coreografia. Os instrumentos usados para acompanhar o Jongo são dois tambores de tamanhos diferentes: tambu, o maior, e candongueiro, o menor. Tal como o caxambu, a apresentação do Jongo não obedece a um calendário fixo. É dançado sempre no dia 13 de maio, festejando o fim do cativeiro e São Benedito, durante o mês de junho e nos dias dos santos padroeiros locais. No Estado do Rio de Janeiro foi dança muito difundida, sendo sua ocorrência observada principalmente na área canavieira exercendo função recreativa para os nossos habitantes do meio rural. Atualmente, há registro de grupos de Jongo nos municípios de Angra dos Reis, Campos dos Goytacazes, Pinheiral, Rio de Janeiro, Rio Claro e Valença.

MANA-CHICA
Criada no seio da planície, entre lagoas e canaviais, sua origem remonta a fins do século XVIII: no Caboio, pequeno agrupamento de casas que margeia a estrada que leva ao Cabo de São Tomé, morava uma mulher apelidada Mana-Chica, sua inventora. De sua vida sabe-se apenas que era alegre, amiga de diversão. Dança em forma de quadrilha que ocorre isoladamente ou como parte de um conjunto de danças chamado fado. Abrange diversos movimentos: o "balancê", o "chemin des dames", a "grande chaine", com sapateado. É acompanhada de canto e de um conjunto instrumental que reúne violas, chocalhos e adufo. Temos registro de um grupo em Campos dos Goytacazes.

URURAU DA LAPA

Consta que por volta de 1700, habitou a curva da Lapa, no Rio Paraíba do Sul, bem em frente a Igreja, um Ururau (jacaré de papão amarelo). Era bicho bravio e matreiro que durante muito tempo conseguiu escapar dos trabucos e das redes dos pescadores, espantando canoeiros e prancheiros. Segundo os índios goytacazes, hoje desaparecidos, "era um bicho papão imenso, encoruscado, medindo uns cinco metros, de cabo a rabo". Com o tempo, o jacaré desapareceu, mas ficou-lhe a lenda, que persiste até hoje, de que o animal ainda habita o local, escondido em um velho sino, que iria para a Igreja em frente, afundado no naufrágio do barco que o trazia de Portugal. A lenda informa que o jacaré seria um jovem travestido no bicho, desde que jogado no fundo do rio pelo pai da jovem ricaça que não aceitava o namoro do rapaz com a moça.

Fontes:
http://www.brasilescola.com/folclore
http://www.brasilfolclore.hpg.ig.com.br/
http://www.coseac.uff.br/cidades/camposturismo.html
http://oliveirafilho.blogspot.com/2009/06/ururau-da-lapa-em-campos-rj.html

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

GRIPE: O QUE AS INSTITUIÇÕES DE ENSINO PRECISAM SABER E FAZER

O QUE É A GRIPE?
É uma doença de transmissão respiratória, causada pelo virus Influenza.

VEJA COMO A GRIPE É TRANSMITIDA

  1. Através de contato direto por meio de tosse, espirro e saliva
  2. Pelo contato íntimo: através do beijo, compartilhando o mesmo copo/garrafa
  3. Dividindo alimentos com pessoas infectadas

ESTES SÃO OS PRINCIPAIS SINTOMAS DA GRIPE
Febre; tosse ou dor de garganta, acompanhados ou não de dores de cabeça e no corpo.


FIQUE ATENTO AOS SINAIS DE AGRAVAMENTO

  1. Falta de ar
  2. Respiração acelerada
  3. Vômitos incontroláveis
  4. Parar de urinar
  5. Vertigens
  6. Confusão mental
  7. Irritabilidade
  8. Convulsões
  9. Alterações de consciência
  10. Recusa alimentar
  11. Prostração

O QUE FAZER AO RECONHECER UM ALUNO COM GRIPE

  1. Ligue para o Disque-Gripe: 0800-28-10-100
  2. Em caso de crianças de qualquer idade com falta de ar ou dificuldade para resperar, procure imediatamente um centro de referência ou posto de saúde.

O QUE AS ESCOLAS PRECISAM SABER
No momento em que surgirem pessoas com sintomas de gripe, o estabelecimento deverá seguir as medidas gerais de prevenção e controle da circulação de vírus, a seguir:

  1. Manter as salas de aulas ventiladas, com janelas abertas evitando o uso de ar condicionado;
  2. Evitar eventos em ambientes fechados em que haja aglomeração de pessoas;
  3. Criar uma rotina de observação dos alunos antes e após as aulas;

INSTRUIR ALUNOS, PROFESSORES E DEMAIS FUNCIONÁRIOS PARA:

  1. Não compartilhar copos, talheres, cigarros e objetos de uso pessoal;
  2. Não compartilhar alimentos;
  3. Evitar contatos que permitam a troca de secreções, como beijo, abraço, aperto de mão;
  4. Lavar as mãos com frequência, principalmente depois de tossir ou espirrar, e sempre que tiver contato com superfícies que podem estar contaminadas(mesa de estudo,maçanetas);
  5. Evitar colocar as mãos na boca, nariz ou olhos;
  6. Não colocar objetos de uso compartilhado na boca, evitando mastigar lápis, caneta ou borraxha por exemplo;
  7. Cobrir a boca quando tossir ou espirrar, mesmo que seja com a dobra do cotovelo, se não tiver lenço de papel;
  8. Se usar lenço de papel, jogue-o imediatamente no lixo;
  9. Cuidar da reposição de lenços de papel/papel higiênico nos banheiros;
  10. Desligar bebedouros elétricos e prover de água potável.Ao retirar o lacre do garrafão de água, limpe a boca do mesmo com pano limpo e úmido.

IMPORTANTE:

O surgimento de mais de um caso de gripe em um determinado local do estabelecimento (sala de aula, escritório), deverá ser comunicado imediatamente à Secretaria Municipal de Saúde, para que sejam compartilhadas as decisões relacionadas à alteração da rotina do estabelecimento, conforme protocolo do Ministério da Saúde.


ALERTA

Ninguém deve usar medicamentos sem orientação médica, pois a automedicação pode mascarar sintomas, retardar o diagnóstico e prejudicar o efeito do medicamento nos casos em que realmente precisa ser usado.

SAIBA MAIS:

http://www.saude.rj.gov.br/

http://www.riocontragripea.rj.gov.br/

http://www.educacao.rj.gov.br/

http://www.conexaoaluno.rj.gov.br/

http://www.conexaoprofessor.rj.gov.br/

Fonte:

Governo do Estado do Rio de Janeiro

Secretaria de Saúde e Defesa Civil

Postado por
Isa Delbons
Laboratório de Informática Educativa

PREVENÇÃO CONTA A GRIPE A (H1N1) NO TRABALHO

  1. Lavar bem as mãos frequentemente com água e sabão;
  2. Evitar tocar os olhos, boca e nariz após contato com superfícies;
  3. Não compartilhar objetos de uso pessoal;
  4. Cobrir a boca e o nariz com lenço descartável ao tossir ou espirrar.

A principal recomendação é quanto a limpeza de espaços como os elevadores, caixas eletrônicos, maçanetas de portas e outras superfícies em que os funcionários colocam as mãos com frequência.


O protocolo recomenda a higienização pelo menos três vezes ao dia, com intervalos máximos de quatro horas, com detergente neutro e álcool a 70%.


O ideal é fazer o procedimento no início do expediente, na volta do horário do almoço e na saída dos funcionários.


Os banheiros devem ter sabão líquido e toalhas de papel para que os funcionários possam lavar as mãos pelo menos a cada quatro horas.


Fonte:

Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes

Postado por:

Isa Delbons

Laboratório de Informática Educativa

domingo, 16 de agosto de 2009

Retorno às Aulas!

A secretária de Educação, Maria Auxiliadora Freitas, anunciou na última quinta-feira, que apenas os alunos da educação fundamental regular, do ensino médio e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) vão voltar às aulas na próxima segunda-feira (17/08/2009).

Fonte:

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

Dia da Informática - 15 de agosto

No dia 15 de agosto, comemora-se o Dia da Informática, tecnologia que, desde seu surgimento, vem revolucionando o mundo.

ANTIGÜIDADE E INFORMÁTICA

Em português, a palavra informática é formada pela junção das palavras informação + automática. Pode dizer-se que informática é a ciência que estuda o processamento automático da informação por meio do computador.

A história da informática acompanha o processo de criar e armazenar dados, algo que já é feito desde a Antigüidade. Em 3.500 a.C., já havia o mais antigo instrumento de cálculo: o ábaco. Costuma-se dizer que o ábaco é o embrião da informática, porque foi o primeiro dispositivo de computação, mesmo que ainda usando meios mecânicos. Era composto de varetas ou barras e pequenas bolas, usadas para fazer contas.

Os chineses adaptaram o ábaco e, por volta de 2.500 a.C., nasceu um sistema chamado "Suan-Pan". Eram palitos empilhados que, dependendo da posição, mudavam de valor. Quando dispostos sobre uma tábua, era possível fazer cálculos com as quatro operações básicas.

No século XIX, começaram a pipocar inventos com objetivo de "imitar" o pensamento, ou pelo menos suas funções de memória. Obviamente eram muito rudimentares em comparação às máquinas atuais, mas é interessante notar o caminho trilhado pelos cientistas da época. Eles estavam buscando desenvolver mecanismos automáticos (lembra da Revolução Industrial?) e entre eles estava o invento de Jacquard: uma espécie de tear automático, que fazia desenhos de acordo com o comando de algumas placas perfuradas.

O tecelão poderia variar o padrão do tear de acordo com as placas: cada uma dava um comando diferente. Este conceito foi uma das grandes influências ao se conceber o computador. Isto foi em 1801, e cerca de 30 anos depois, em 1834, foi a vez da famosa Máquina Analítica, do inglês Charles Babbage.

Babbage não pôde concluir a Máquina Analítica por falta de recursos, mas sua concepção foi revolucionária. Trazia os principais conceitos da informática: programas, memória, unidade de controle e periféricos de saída, utilizando também cartões perfurados.

O invento de Babbage inspirou o primeiro computador eletrônico-mecânico, em 1890. Com ele, o censo americano de 1890 saiu bem mais rápido.Antes, levava sete anos para apurar os resultados. Com o computador, pode apurar em seis semanas.

A EVOLUÇÃO DOS COMPUTADORES


A INFORMÁTICA NO DIA-A-DIA

Existe informática em quase tudo que o homem faz e em quase todos os produtos que consume. É muito difícil pensar em mudanças sem que em alguma parte do processo a informática não esteja envolvida.

Dar um enter. Fazer um upgrade ou um download. A linguagem da informática já foi incorporada ao dia-a-dia do brasileiro. A tecnologia está cada vez mais presente nas atividades cotidianas, e o computador passou a ser um equipamento imprescindível para o desenvolvimento de diversas tarefas. Quer dar um recado? Mande um e-mail. Quer ouvir uma música? Baixe um arquivo. Bater um papo? Entre nos chats. É a informática mudando hábitos e revolucionando as relações humanas.

NO PAÍS:
Os computadores são utilizados para rastrear e orientar naves e tanques, e também organizar planejamentos estratégicos e armazenar dados militares. Os governos dos países utilizam a informática no recenseamento, agilizando sua apuração, e também para disponibilizá-la à população. É o que se pode conferir no IBGE quando oferece informação pela Internet e por softwares de recuperação de dados. Sem os computadores, o homem não teria chegado à Lua. Não poderiam manter os satélites no espaço. Não transmitiriam as notícias tão rápido e com tamanho alcance. Demorariam horas para conseguir certos resultados de cálculos ou determinadas pesquisas.

NA NOSSA CASA:
Ligações telefônicas, pessoas no mundo todo podem conversar em tempo real por meio de computadores, aparelhos domésticos, televisão, relógios digitais, jogos eletrônicos, câmaras fotográficas digitais, máquina de lavar.

NA RUA E NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA:
O computador controla semáforos, linhas de trem e metrô, sistemas aéreos e de transportes marítimos, pagamento de impostos, seguros sociais, contas de luz, água, telefone.

NOS BANCOS:
Contas bancárias, uso de cartões, movimentações via Internet. Os bancos também monitoram contas e cadastros por meio da informática.

NA SAÚDE:
Os aparelhos de hospitais não existiriam e os exames de laboratório não seriam tão precisos.

NA EDUCAÇÃO:


A interatividade e dinamicidade que o computador produziu no processo ensino-aprendizagem, a criação de paradigmas e posturas novas dos professores e alunos, a busca da individualidade no ensino são ações promovidas pela informática educativa. Os alunos podem aprender por meio da informática, inclusive com cursos à distância.

http://www.slideshare.net/plinioalmeida/a-evoluo-dos-computadores

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Infromática Educativa

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Mensagem da Semana!

mensagem de otimismo Pictures, Images and Photos

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

domingo, 9 de agosto de 2009

Dia dos Pais


"Um pai tem a sabedoria de um mestre e a sinceridade de um amigo."
Autor Desconhecido

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Infromática Educativa

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Retorno às Aulas!

A Prefeitura de Campos dos Goytacazes (RJ) adiou por mais uma semana a volta às aulas na rede municipal de ensino. Essa é mais uma medida preventiva contra a proliferação do vírus influenza A H1N1, segundo a Secretária de Educação, Auxiliadora Freitas. O início do segundo semestre letivo está previsto para o dia 17 de agosto de 2009.

Os gestores das unidades escolares da rede municipal de ensino deverão encaminhar as gestantes ao Departamento de Recursos Humanos da Secretaria Municipal de Educação, na sala quatro.

Fonte:
http://www.campos.rj.gov.br/noticia.php?id=20175

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Gripe H1N1

1. O que é o vírus da Gripe A(H1N1)?
O vírus da Gripe H1N1, que apareceu recentemente, é um novo subtipo de vírus que afeta os seres humanos. Este novo subtipo contém genes das variantes humana, aviária e suína do vírus da gripe e apresenta uma combinação nunca antes observada em todo o Mundo. Em contraste com o vírus típico da gripe suína, este novo vírus da Gripe H1N1 é transmissível entre os seres humanos.

2. Quais os sintomas da doença pelo novo vírus da Gripe A(H1N1)?
Os sintomas de infecção pelo novo vírus da Gripe A(H1N1) nos seres humanos são normalmente semelhantes aos provocados pela gripe comum:

-Febre
-Sintomas respiratórios (tosse, nariz entupido)
-Dor de garganta
-Possibilidade de ocorrência de outros sintomas:
-Dores corporais ou musculares
-Dor de cabeça
-Arrepios
-Fadiga

Vómitos ou diarreia (embora não sendo típicos na gripe sazonal, têm sido verificados em alguns dos casos recentes de infecção pelo novo vírus da Gripe H1N1)

Em alguns casos, podem surgir complicações graves em pessoas saudáveis que tenham contraído a infecção.

3. Como se infectam as pessoas com o novo vírus da Gripe H1N1?
O modo de transmissão do novo vírus da Gripe A(H1N1) é idêntico ao da gripe comum. O vírus transmite-se de pessoa para pessoa através de gotículas libertadas quando uma pessoa fala, tosse ou espirra. Os contatos mais próximos (a menos de 1 metro) com uma pessoa infectada podem representar, por isso, uma situação de risco. O contágio pode também verificar-se indiretamente quando há contato com gotículas ou outras secreções do nariz e da garganta de uma pessoa infectada - por exemplo, através do contato com maçanetas das portas, superfícies de utilização pública, etc. Os estudos demonstram que o vírus da gripe pode sobreviver durante várias horas nas superfícies e, por isso, é importante mantê-las limpas, utilizando os produtos domésticos habituais de limpeza e desinfecção.

4. Qual é o período de incubação da doença?
O período de incubação da Gripe A(H1N1), ou seja, o tempo que decorre entre o momento em que uma pessoa é infectada e o aparecimento dos primeiros sintomas, pode variar entre 1 e 7 dias.

5. Durante quanto tempo uma pessoa infectada pode transmitir o vírus a outras?
Os doentes podem contagiar outras pessoas por um período até 7 dias, a que se chama período de transmissibilidade. É prudente, contudo, considerar que um doente mantém a capacidade de infectar outras pessoas durante todo o tempo em que manifestar sintomas.

6. A doença pelo novo vírus da Gripe A(H1N1) pode ser tratada?
O novo vírus da gripe é sensível aos medicamentos antivirais oseltamivir.

7. Qual a melhor forma de evitar a disseminação do vírus, no caso de estar doente?
Limite o contato com outras pessoas, tanto quanto possível.

• Mantenha-se em casa durante sete dias, ou até que os sintomas desapareçam, caso estes perdurem.
• Cubra a boca e o nariz quando espirrar ou tossir, usando um lenço de papel. Nunca com as mãos!
• Utilize lenços de papel uma única vez e coloque-os de imediato no lixo.
• Lave frequentemente as mãos com água e sabão, em especial após tossir ou espirrar.
• Pode usar toalhetes descartáveis com soluções alcoólicas.

8. Qual é a melhor técnica de lavagem das mãos?
Lavar as mãos frequentemente ajuda a evitar o contágio por vírus da gripe e por outros germes. Recomenda-se que use sabão e água, pelo menos durante 20 segundos. Quando tal não for possível, podem ser usados toalhetes descartáveis, soluções e gel de base alcoólica, que se adquirem nas farmácias e nos supermercados. Se utilizar um gel, esfregue as mãos até secarem e não use água.

9. Existe alguma vacina contra o vírus da Gripe A(H1N1)?
De momento, não existe vacina que proteja as pessoas contra o novo vírus da Gripe A(H1N1).

10. A vacina da gripe sazonal é eficaz contra o novo vírus da Gripe A(H1N1)?
Não há evidência científica, até ao momento, de que a vacina contra a gripe sazonal confira proteção contra a Gripe A(H1N1).

11. O vírus da Gripe A(H1N1) pode ser transmitido às pessoas através do consumo de carne de porco ou derivados?
Não. O vírus da Gripe H1N1 não é transmitido pela ingestão de carne de porco ou derivados. Esta nova estirpe não foi, até à data, observada em animais e não há indícios de que o vírus tenha entrado na cadeia de produção. A Autoridade Europeia de Segurança Alimentar e o Centro Europeu para a Prevenção e Controlo de Doenças desconhecem qualquer evidência científica que sugira a possibilidade de transmissão do vírus por consumo de carne de porco e derivados.

12. Que devo fazer para me proteger se tiver de viajar para áreas onde foram identificados casos de Gripe H1N1?
Os viajantes devem seguir as precauções gerais de higiene relativamente a infecções respiratórias se viajarem para áreas onde foram detectados casos de infecção pelo novo vírus da gripe:

-Lave frequentemente as mãos com água e sabão;
-Evite o contacto próximo com pessoas doentes;
Se estiver doente:
-Mantenha a distância de pelo menos 1 metro em relação aos outros, para evitar a propagação do vírus;
-Permaneça em casa, sempre que possível;
-Evite multidões ou grandes aglomerados de pessoas;
-Se tossir ou espirrar, proteja a boca e o nariz com um lenço de papel de utilização única ou use o antebraço e não as mãos;
-Para se assoar, use lenços de papel de utilização única e coloque-os, de imediato, no lixo;
-Lave as mãos com frequência.


14. Que precauções devo tomar se estiver a regressar de uma área onde foram identificados casos de Gripe A(H1N1)?
Viajantes que regressem de uma área onde foram detectados casos de infecção pelo novo vírus da Gripe devem estar particularmente atentos ao seu estado de saúde e, se experimentarem algum dos seguintes sintomas, devem se dirigir a um posto médico durante os 7 dias seguintes ao regresso:

-Febre (>38ºC) e um dos seguintes sintomas:
-Sintomas respiratórios como tosse ou nariz entupido;
-Dor de garganta;
-Dores corporais ou musculares;
-Dor de cabeça;
-Fadiga;
-Vómitos ou diarreia.

15. Estamos perante uma nova pandemia de gripe?
Uma pandemia de gripe é uma epidemia à escala mundial, provocada por um novo vírus da gripe que infecta uma grande parte da população. No século XX, houve três pandemias deste tipo: em 1918, 1957 e 1968. Em Portugal e nos outros países da Europa foram desenvolvidos, nos anos mais recentes, esforços consideráveis de preparação para uma pandemia, sendo que todos os Estados Membros da União Europeia têm planos de contingência nacionais.

Em 11 de Junho de 2009, a Organização Mundial de Saúde elevou para 6 o nível de alerta de pandemia. Esta alteração da Fase 5 para Fase 6 não está relacionada com o aumento da gravidade clínica da doença, mas sim com o crescimento do número de casos de doença e com a sua dispersão a nível mundial.

Fonte:
http://did-smec.blogspot.com/

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Infiormática Educativa

terça-feira, 4 de agosto de 2009

Mensagem da Semana!

Avance Sempre!

Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar. Mas, é importante não parar.

Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso.

Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena.

Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios.

Continue andando e fazendo.

O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente.

A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele.

Se você parar completamente será muito mais difícil começar tudo de novo.

Então continue andando e fazendo.

Não desperdice a base que você já construiu. Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante.

Pode não ser muito, mas vai mantê-lo no jogo.

Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado. Mas, seja, lá o que for, continue.

O importante é não parar!!!

Autor desconhecido

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Retorno às Aulas!

O início das aulas do segundo semestre das escolas das rede municipal de Campos dos Goytacazes (RJ) foi adiado para o dia 10 de agosto de 2009.

A decisão foi tomada pelos secretários de Saúde, Paulo Hirano, e de Educação, Auxiliadora Freitas, durante reunião com diretores, vice-diretores e orientadores pedagógicos na palestra "Prevenções contra a Gripe H1N1", nesta sexta-feira (31/07/2009), no Teatro Municipal Trianon.

Fonte:
Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa

Seminário de Educação Inclusiva

O Seminário de Educação Inclusiva que teria início nesta segunda-feira (03/08/2009) foi adiado em caráter preventivo contra a gripe A (H1N1), com o intuito de evitar a aglomeração de pessoas e uma possível transmissão do vírus Influenza A. Os inscritos devem aguardar nova data, que ainda não foi divulgada, para realização do evento.

Fonte:

Postado por
Kátia Monique Lemos Mothé
Laboratório de Informática Educativa
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...